Linguagem do Seguro

Apólice

É o documento que a seguradora emite após a aceitação do risco proposto pelo segurado. A apólice deverá conter alguns elementos considerados indispensáveis: Nome, Endereço e CPF ou CNPJ do segurado, Especificação do Risco, Bem Segurado, Valor da importância segurada e Valor do prêmio.

Bilhete de Seguro

Foi criado para facilitar a contratação do seguro. Tem o mesmo valor jurídico da apólice e deve conter os mesmos elementos da apólice.

Bônus

É um percentual de descontos progressivos na renovação do seguro dos segurados que não apresentaram sinistros durante a vigência da apólice.

Cobertura

É a proteção conferida por um contrato de seguro; é também empregada com o sentido de "garantia".

Endosso

Instrumento que o contrato de seguro utiliza quando, eventualmente, é necessário fazer alguma alteração na apólice. O endosso também recebe o nome de "aditivo".

Franquia

É o valor determinado no contrato representando o limite de participação obrigatória do segurado nos prejuízos resultantes de cada sinistro.

Importância segurada

Valor estabelecido pelo segurado e que deverá ser correspondente ao valor do bem segurado.

Indenização

É o valor que a companhia deverá pagar ao segurado no caso de efetivação de um sinistro previsto no contrato.

Perda Total

É a condição na qual ocorre a destruição total do bem segurado. Para o reconhecimento da perda total, a destruição, perda ou dano deve corresponder ao mínimo de 75% do seu valor.

Prêmio

Valor pago pelo segurado à seguradora para que ela assuma um determinado risco. O cálculo de um prêmio é feito com base no prazo do seguro, na importância segurada e na exposição ao risco.

Proposta

É o documento onde o segurado registra sua vontade em segurar determinado objeto ou bem, nos mais diferentes riscos, sendo preenchida por ele ou pelo seu representante legal (o corretor de seguros). Essa proposta deve fornecer ao segurador todas as informações que ele necessita para analisar a aceitação, ou não, dos riscos propostos pelo segurado.

Resseguro

O resseguro explica como e por que o seguro é seguro. Aqui também não existe mistério. Toda seguradora tem sua capacidade máxima de assumir e cobrir riscos. Caso contrário, se viesse a assumir um risco maior do que sua capacidade de pagamento, simplesmente quebraria, na hipótese de ocorrer esse sinistro de tal vulto. Para que isso não ocorra, a seguradora repassa o excedente para uma sociedade resseguradora, que atua como se fosse a "seguradora" das seguradoras, garantindo assim plena cobertura ao segurado.

Risco

É o evento, com data incerta, que independe da vontade das partes envolvidas (segurado e segurador). É sem dúvida, o elemento mais importante do contrato de seguros, ou seja, um acontecimento imprevisto contra o qual é feito o seguro.

Segurado

Pessoa física ou jurídica que contrata um seguro junto ao segurador com a finalidade de transferir a responsabilidade sobre o risco.

Sinistro

É a ocorrência do evento previsto no contrato de seguro.